• Marcação Online calendar
  • Fale com um assistente chat
  • Checkup Online agenda
  • Oferta de avaliação médica gift

Como são produzidas as soluções em cerâmica?

  • ESPECIAL LABORATÓRIOS

    Conheça as unidades laboratoriais do Grupo OralMED SAÚDE

    A inovação, os procedimentos e os detalhes que fazem a diferença no dia-a-dia dos tratamentos dentários.

Tópico

Como são produzidas as soluções em cerâmica?

Existem várias soluções para tratamentos dentários realizadas em cerâmica. Na maioria dos casos, essas peças são o resultado de um trabalho de equipa, passando por várias secções do laboratório até à fase de acabamento na secção das cerâmicas.
 

Quais são os principais passos?
 

  1. Receção do molde – Tudo começa com o envio das impressões da boca do Paciente por parte do médico.

  2. Gesso – De seguida, é feita uma réplica, para transformar as impressões recebidas num modelo de gesso e iniciar o trabalho.

  3. Planeamento – Depois, é verificada a qualidade do modelo e entra-se em contacto com os médicos se for necessário, para garantir que se entendem todos os detalhes do tratamento.

  4. CAD/CAM ou Estruturas – Dependendo do caso, o coordenador do laboratório reencaminha o trabalho para uma destas duas secções. Nesta fase, é produzida uma subestrutura sobre a qual se pode se pode trabalhar a cerâmica. 

  5. Cerâmica – Consoante o que for preciso fazer, a secção da cerâmica desenvolve o resto do trabalho e cria os dentes a partir de um metal ou de outro material que possa constituir a subestrutura.
     

Como é feito o processo nas cerâmicas?


Tal como todos os procedimentos realizados em laboratório, também o trabalho desenvolvido pela secção das cerâmicas é altamente personalizado para cada Paciente. Por isso, embora existam formas padronizadas de finalizar as peças, esses protocolos são sempre adaptados a cada caso.

 

"O trabalho desenvolvido pela secção das cerâmicas é altamente personalizado para cada Paciente."

 

De um modo geral, partindo da subestrutura, os dentes são construídos com camadas sucessivas de material. Uma vez que os nossos dentes naturais têm várias camadas e não são todos da mesma cor, os técnicos nesta fase têm isso em conta e procuram criar o resultado final mais estético e parecido com a realidade de cada Paciente. Para tal, utilizam diferentes tipos de cerâmica, cada um com um objetivo específico, e vão colocando a peça que estão a produzir várias vezes no forno (respeitando os limites do material, para que não se percam as suas propriedades físicas e óticas).

As peças em cerâmica são produzidas com sucessivas camadas de material.

Quando a aplicação destas camadas de cerâmica estiver concluída, é feito um polimento mecânico das peças e o trabalho segue novamente para o controlo de qualidade. Neste ponto, dependendo do seu estado, o trabalho pode seguir diretamente para a clínica ou voltar para trás para alterar algum detalhe e garantir que está realmente adequado a cada Paciente.